Das cartas que eu gostaria de ter escrito

I

Eu lembro bem da primeira vez que eu vi sua cabeça em torno da porta, porque a minha parou de funcionar.
Te quero aqui hoje a noite, te quero aqui, porque não consigo acreditar no que encontrei. Te quero aqui hoje a noite,  porque nada vai me desanimar. Eu me lembro bem, eu estava em sua fila. E sua boca, sua boca, sua boca…
Te quero aqui hoje a noite, te quero aqui, porque não consigo acreditar no que encontrei. Te quero aqui hoje a noite
Te quero aqui, porque nada vai me desanimar. Exceto você, meu amor.

II

Venham todos vocês, perdidos, mergulhem no musgo. Eu espero que minha sanidade cubra o custo de remover a mancha desse amor de papel machê. Venham todos vocês, renascidos, toquem minha buzina!
Estou dirigindo feito um louco, isso é amor, isso é pornografia! Que Deus me perdoe, mas eu me chicoteio com desprezo.

Eu quero ouvir o que você tem a dizer sobre mim, ouvir se você vai viver sem mim, eu quero ouvir o que você quer.
Eu me lembro de dezembro e eu quero ouvir o que você tem a dizer sobre mim, ouvir se você vai viver sem mim
Eu quero ouvir o que você quer.

Que diabos você quer

Remember – Damien Rice

Anúncios

About dk

indefinivel

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

140 caracteres

Erro: Twitter não está a responder. Por favor espere alguns minutos e recarregue esta página.

Flickr Photos

%d bloggers like this: